Home Visual Merchandising
Category

Visual Merchandising

Retrospectiva Coco Chanel

O Palais Galliera em Paris é o museu de moda mais importante da cidade. Agora, depois de passar por uma reforma de dois anos, O Palais Galliera está reabrindo ao público com nada menos do que com uma retrospectiva Coco Chanel estilista, que apresentará mais de 350 vestidos, acessórios e joias, ao lado de uma sala dedicada ao seu perfume Chanel No. 5, bem certamente como fotos antigas, bolsas e sapatos.

Foto by: WindowsWear

Esta exibição será dividida em duas partes. A primeira parte é cronológica. Ele relata seus primeiros passos com algumas peças emblemáticas, mostrando o desenvolvimento do estilo chique de Chanel: dos vestidos pretos e modelos esportivos dos anos 20 aos vestidos sofisticados de fato, dos anos 30.

Saiba mais sobre a Retrospectiva Coco Chanel:

A exposição possui uma sala inteiramente dedicada ao No. 5 criado em 1921 pelo mestre perfumista Ernest Beaux que selecionou mais de 80 componentes para ele. Gabrielle Chanel queria um perfume misterioso e abstrato que não existia na natureza sem um perfume específico.

Ela queria um perfume artificial criado como um vestido. Coco queria criar um perfume para mulheres que de fato, assumissem sua feminilidade e liberdade.

Assim como o perfume, seu recipiente e apresentação foram totalmente inovadores. Além disso em novembro e dezembro de 1937, o fotógrafo François Kollar a filmou em seu apartamento no Ritz para um anúncio do No. 5 publicado na Harpers Baazar. Em 1960, Marilyn Monroe disse a George Belmont – jornalista da Marie Clarie – que a única coisa que ela usava na cama era o Chanel No. 5, que tornava o perfume, já certamente o perfume mais vendido do mundo, uma lenda para sempre.

 

Foto by Julien T. Hamon

A segunda é uma parte temática onde os visitantes irão decifrar seus códigos de vestimentas, incluindo o terno tweed trançado, scarpins bicolores, a bolsa 2,55 e, claro, os trajes e as joias finas intrínsecas ao look Chanel.

Protótipo do sapato de dois tons com slingback desenhado por Chanel, feito por Massaro, 1961. Foto by Julien T. Hamon

Protótipo do sapato de dois tons com slingback desenhado por Chanel, feito por Massaro, 1961. Foto by Julien T. Hamon

A bolsa 2,55 entre 1951 a 1971. Foto by Julien T. Hamon Figura

A bolsa 2,55 entre 1951 a 1971. Foto by Julien T. Hamon
Figura

Foto by Instagram @loicprigent

Foto by Instagram @loicprigent

Talvez uma citação de Chanel resuma seu estilo simples, sua abordagem para mulher moderna: “É o material que faz o vestido e não os ornamentos que podem ser acionados a ele”. A exposição estará disponível até dia 14 de março de 2021 com o apoio da Chanel. Além disso, alguns tópicos semelhantes podem ser encontrados em outros tópicos em nosso blog.

outubro 26, 2020
0 Facebook Twitter Google + Pinterest
Vitrines de lojas modernas

A vitrine é um ponto muito significativo seja qual for o comércio. É a entrada para que o cliente entre e conheça seu produto. Mas, para que ele tenha esse desejo rapidamente, é interessante que as vitrines de lojas modernas sejam inovadoras e cativantes, ou você corre o risco de perder o cliente. Com isso, essa é um excelente momento para te destacar da concorrência. Por isso, separamos quatro vitrines de lojas modernas e criativas, com ideias arrojadas para você alterar um pouco a cara da sua loja, customizar sua vitrine, atrair mais clientes e ampliar suas vendas. Veja abaixo algumas inspirações de vitrines de lojas modernas:

Seldridges & Co. – London

Seldridges & Co. – London

Bloomingdale’s – New York

Hermes – New York

Segundo o SEBRAE, a vitrine é um dos principais espaços de uma loja e “é responsável por mais de 80% das vendas por impacto visual”. Além disso ela representa a identidade da marca e tem como finalidade de invocar e seduzir clientes para consumirem seus produtos.

Dolce & Gabbana – Hong Kong

 

Com essas inspirações magnificas, saia da sua rotina e teste algo diferente ao montar uma vitrine de loja moderna. Veja como você pode elevar as vendas pelo modo que você exibe seus produtos, fazendo uma experiência mais sedutora.

Saiba mais clicando aqui.

Inspire-se! 

 

outubro 18, 2020
0 Facebook Twitter Google + Pinterest

O varejo está se transformando tão rapidamente que tudo o que está acontecendo hoje não se parece em nada com as notícias da semana passada e será completamente diferente daqui uma semana.

Os compradores continuam adotando uma abordagem mista para o varejo à medida que a crise evolui. Antes do surto do COVID-19, o uso de canais de compra online e retirada na loja pelo consumidor cresceu mais de quatro vezes desde 2014, de acordo com uma pesquisa global do IBM, em associação com a NRF. 

Ainda que essa mudança aconteça por necessidade, alguns analistas preveem que alguns aspectos da experiência do cliente a distância e sem contato podem estar para ficar de vez.

Os próximos meses exigirão que os varejistas unifiquem os mundos online e off-line, um desafio sujeito da tecnologia e do mais humano dos recursos: confiança. Essa modificação no varejo pedirá uma nova perspectiva sobre a combinação de experiências físicas e digitais e personalização.

Por exemplo, A Louis Vuitton está a caminho de fazer história nas vendas na China em meio a uma forte recuperação do COVID-19. 

Seu carro-chefe na Plaza 66 de Xangai, faturou US$ 22 milhões em agosto, de acordo com a plataforma de informações financeiras local Xueqiu. Um representante de vendas no shopping confirmou a exatidão do número com o WWD. Em um mês normal, as vendas na loja ficam entre US$ 11 milhões e US$ 13 milhões.

O recorde de vendas foi impulsionado em parte pelo show masculino da marca na primavera de 2021, realizado em Xangai no início do mês, que estabeleceu o recorde de transmissões ao vivo na China.

Desfile Louis Vuitton - Foto por: WWD

Desfile Louis Vuitton – Foto por: WWD

Desfile Louis Vuitton - Foto por: WWD

Desfile Louis Vuitton – Foto por: WWD

Além de roupas, bolsas e sapatos, os clientes de serviços de beleza estão mudando o seu hábito de consumo, girando em direção a produtos que lhes permitem reproduzir a experiência do salão em casa.

“Eu repensei toda a minha rotina de beleza”, diz Charlotte Leeds, uma jovem de 28 anos que mora em Boston, que trocou seus agendamentos habituais no salão de beleza por coisas como tratamentos faciais em casa e priorizou as compras de cuidados com a pele. Em relação a maquiagem, ela disse que não utiliza há meses. Mesmo depois que a pandemia passar, ela diz: “Acho que nunca mais voltará a ser o que era”.

Foto by WindowsWear

Foto by WindowsWear

A ligeira mudança nas prioridades do consumidor ressalta ainda mais a importância da agilidade e velocidade das empresas de beleza hoje, que se saem melhor quando podem reagir rapidamente às tendências. Embora o lançamento de produtos imediatos não seja possível, especialmente quando muitos escritórios ainda estão trabalhando em casa, o remarketing de produtos existentes para atender às necessidades dos clientes é uma maneira rápida de despertar o interesse. Mas, a mudança no desempenho do produto reflete uma transformação contínua no mercado de beleza: os clientes ditam as tendências e as empresas devem ser criadas com um portfólio diversificado para ficar um passo à frente.

O que o futuro reserva para o varejo? Seja o que for, prepare-se.

Além disso, alguns tópicos semelhantes podem ser encontrados em outros tópicos do nosso blog, clique aqui.

setembro 14, 2020
0 Facebook Twitter Google + Pinterest
Loja Balonè

Os expositores para lojas e expositores de bijuterias unem benefícios relevantes para as lojas, como por exemplo, uma maior arrumação que possibilita mais transparência e acesso acessível aos produtos, de forma que ornamenta a vitrine da loja e conquista o público.

Vários modelos de expositores de lojas e de bijuterias podem de fato, ser achados, entre eles: expositor de brinco, de bolsas, de anel, de óculos e muitas outras variedades.

Loja Balonè

Loja Balonè

Numa loja de joias, bijuterias e acessórios, por exemplo, podem-se achar os seguintes expositores:

  • Expositor para colar em veludo;
  •  Expositor para pulseira;
  • Entre outros.

Expositores de lojas e expositores de bijuterias que retratam soluções eficientes podem ser achados na Expor Manequins. Fabricante de alta elegância e refinamento para seus produtos, além disso possuímos um design atual e contemporâneo que pode simplesmente ser adequados em projetos individualizados.

Loja Balonè

Loja Balonè

A Expor Manequins disponibiliza uma mesclada linha de produtos para exposição e venda de joias, bijuterias e acessórios. São diversos modelos, tamanhos e cores com a finalidade de oferecer produtos com propriedade e exclusivismo, afinal, apenas quem fabrica expositores de joias, bijuterias e acessórios há certamente mais de 50 anos é capaz de conceder tamanha qualidade e diversidade.

Para saber mais sobre expositores de lojas e de bijuterias

Ligue para 11 3887 3205 ou envie um e-mail para: atendimento@expormanequins.com.br e fale conosco.

Veja mais sobre expositores para loja ou expositores de bijuterias clicando aqui.

 

 

agosto 17, 2020
0 Facebook Twitter Google + Pinterest
Aqui, os visuais que remetem ao amor

Não há dúvidas de que o coronavírus promoveu de fato, inúmeras modificações no mundo da moda. Uma delas foi a imprescindibilidade de ajuste no modelo de exibir coleções. Os eventos franceses designados aos segmentos masculino e de alta-costura foram cancelados. Com isso, a saída foi a realização de um Paris Fashion Week 2020 em uma edição digital.

Confira abaixo o que rolou no Paris Fashion Week 2020 :

Dior lançou um vídeo que mistura fantasia e realidade, inspirada no Théâtre de la Mode.

Dior lançou um vídeo que mistura fantasia e realidade, inspirada no Théâtre de la Mode.

 

 

Giambattista Valli apresentou vestidos monocromáticos

Giambattista Valli apresentou vestidos monocromáticos

 

Chanel

O Outono/Inverno 2020/2021 da Chanel foi exibido por meio de um shooting feito pelo fotógrafo Mikael Jansson. Virginie Viard escolheu por criações audaciosas, que misturam beleza e rebeldia. A inspiração certamente partiu de pinturas do século 19.

O outono/inverno 2020/2021 foi apresentada por meio de um ensaio fotográfico

O outono/inverno 2020/2021 foi apresentada por meio de um ensaio fotográfico

Toque de rebeldia, mesmo com flores bordadas

Toque de rebeldia, mesmo com flores bordadas

Clássicos também aparecem!

Clássicos também aparecem!

 

 

Confira mais os bastidores da coleção clicando aqui

Alexandre Vauthier

O conceito do estilista foi fixar vigorosamente o DNA francês. “O que eu fiz? Paris. Beleza pura. Voltamos ao essencial ”, definiu Vauthier ao WWD. Para a apresentação, as fotografias foram feitas em diferentes espaços. Em casa, na rua, no gramado ou na praia, o resultado é legítimo. Além disso entre as opções, estão tecidos metalizados, babados e plumas.

Alexandre Vauthier

Alexandre Vauthier

Alexandre Vauthier

Alexandre Vauthier

Com uma vibe retrô, as imagens apresentam modelos em movimentações aceleradas, utilizando certamente os visuais de alta-costura. Confira mais aqui.

Julien Fournié

A grife de Julien Fournié realizou um gênero de manifesto através da plataforma Vimeo. Na temática, uma modelo posa com as criações da marca, rodeada certamente pelos profissionais envolvidos nas produções.

Autenticidade e liberdade de fato, criativa estão entre os pontos abordados.

Veja o vídeo clicando aqui.

Aelis

Famosa por lançar-se em peças sustentáveis, a grife é dirigida por Sofia Crociani. Frequentemente, utiliza de fato, elementos da natureza como inspiração.

A nova coleção traz referências artísticas. “Foi inspirada por mulheres estrelas do cinema mudo, como Theda Bara e Francesca Bertini.

Além disso o silêncio também caracterizou nossa distância durante o confinamento. Trabalhamos certamente com os tecidos que tínhamos em casa, mas sempre fazemos isso, porque o impacto de nossas criações no planeta deve ser mínimo”, informou a estilista em entrevista à Vogue Itália.

A Aelis é uma marca eco-friendly

A Aelis é uma marca eco-friendly

Veja mais aqui.

Maison Margiela

Renomado por possuir um DNA misterioso, John Galliano preparou algo inusitado para a temporada, a Maison Margiela Artisanal Co-Ed Collection. Confira mais detalhes aqui.

Viktor & Rolf

Para o Outono/Inverno 2020/2021, os designers holandeses Viktor Horsting e Rolf Snoeren penetraram no momento atual. A coleção constitui-se certamente em três pontos desiguais. Cada um exibe um estado mental diferente: ansiedade, confusão e amor.

A coleção foi dividida em três categorias, esta representa a ansiedade

A coleção foi dividida em três categorias, esta representa a ansiedade

As três peças em tons rosados significam a confusão

As três peças em tons rosados significam a confusão

Aqui, os visuais que remetem ao amor

Aqui, os visuais que remetem ao amor

Para conferir mais, acesse aqui.

Bouchra Jarrar

Em meio à pandemia, Bouchra Jarrar projetou um filme que vivesse uma “expressão significativa da vida”. Na trama, irmãs aparecem de fato, juntas em momentos do cotidiano: em casa, na rua ou em meio à natureza.

“A participação das gêmeas Aissa e Aida permitiu-me transmitir a irmandade e as maravilhas do amor fraternal, um conceito universal, mas também tão querido para mim”, salientou a estilista francesa.

Veja mais aqui.

Valentino

No vídeo apresentado no YouTube, uma mulher coberta com véu faz movimentações no tempo de uma música instrumental. Além disso a inspiração veio da bailarina Loie Fuller, pioneira da dança moderna e da iluminação teatral.

“Uma criação de alta-costura ganha vida por meio através do movimento, luz, cores e música, mas principalmente pelo ser humano embaixo dela, envolto nela, acolhido pelo tecido”, afirmou o estilista PierpaoloPiccioli ao portal WWD. “A alta-costura está viva, e o sonho também.”

Veja mais aqui.

E aí, qual o seu favorito? 😉 Saiba mais sobre a semana de moda clicando aqui.

agosto 6, 2020
0 Facebook Twitter Google + Pinterest
vitrines de grife

Ainda que o avanço do mercado online seja uma existência incontestável, os pontos de venda físicos ainda têm uma grande relevância para uma marca de luxo. E nas lojas e boutique das grandes grifes do mundo, são as vitrines de grifes que são encarregadas por conquistar os clientes, já que realmente a primeira impressão é a que fica.

Passear pela cidade ou pelo shopping e ficar deslumbrado pelas vitrines são coisas quase que comuns. Mas os especialistas em Psicologia Comportamental revelam que o grande encanto pelas vitrines tem apreço emocional.

Parar para observar algo e sentir vontade em adquiri-lo, é uma razão que está bastante ligado à forma com que a vitrine se demostra ao observador. E esse é o desafio que uma vitrine de grife atrativa necessita certamente atingir!

Além disso as marcas de luxo sempre ousam e dão bastante destaque para o tema e o cenário apresentado na vitrine com a união do produto para venda. Confira abaixo os exemplos que são as vitrines de grifes extraordinárias para chamar a atenção de seu público:

 Louis Vuitton - Nova York

Louis Vuitton – Nova York

Gucci - Nova York

Gucci – Nova York

 Fendi - Nova York

Fendi – Nova York

Dior - Hong Kong

Dior – Hong Kong

Organização, criatividade e beleza são elementos chaves que as vitrines de grifes utilizam para atrair o seu público! #ficaadica

Veja mais fotos de vitrines de grifes clicando aqui.

julho 23, 2020
0 Facebook Twitter Google + Pinterest
Topshop Londres

As datas comemorativas e a chegada de novas estações são ótimas chances para praticar a criatividade e preparar inúmeras vitrines de lojas criativas para os consumidores!

Uma vitrine criativa e encantadora é capaz de permanecer no imaginário por muito tempo, já que esse é o primeiro canal de contato que o cliente possui com a loja.

Além disso da mesma forma, um local interno bem utilizado, com componentes que tocam a sentimentalidade, pode motivar o primeiro impulso para a realização da compra.

Portanto, este é um pensamento que deve ser visto como de extrema importância para o varejista.

Veja alguns exemplos e surpreenda-se:

Bergdorf Goodman - Nova York

Bergdorf Goodman – Nova York

Saks Fifth Avenue - Nova York

Saks Fifth Avenue – Nova York

Diesel Barcelona

Diesel Barcelona

Saks Fifth Avenue - Nova York

Saks Fifth Avenue – Nova York

Galeries Lafayette

Galeries Lafayette

Topshop Londres

Topshop Londres

À frent e de um público consumidor cada vez mais rigoroso, não basta apenas ofertar serviços ou preços acessíveis ou com uma qualidade elevada. É necessário investir em uma loja bonita e, especialmente, em uma vitrine de loja criativa. Investir em uma vitrine de loja criativa para trazer público em datas festivas além disso é uma das oportunidades para vender mais e aproveitar a ocasião de se evidenciar da concorrência, confira alguns exemplos:

Dia das Mães - Macy's - Nova York

Dia das Mães – Macy’s – Nova York

Natal - Selfridges & Co. – Londres Figura 8:

Natal – Selfridges & Co. – Londres

Veja mais fotos de vitrines de lojas criativas clicando aqui.

julho 8, 2020
0 Facebook Twitter Google + Pinterest

No tempo em que a instabilidade do coronavírus permanece – e muitos de nós nos encontramos em um período indefinido de isolamento social, a distração cultural não é apenas bem-vinda, mas fundamental. Neste pensamento, Dior fez a sua exposição disponível para visualização on-line, o que significa que você pode passear em 70 anos de forma visionária, na comodidade de sua casa. Inicialmente realizada no Musée des Arts Décoratifs de Paris de 2017 a 2018 e no ano seguinte na
V&A de Londres, a exposição de êxito rastreia a transformação da casa da Dior desde sua chega em Paris do pós-guerra, onde Christian Dior iniciou uma era de elegância com seu renovador “New Look”, até os dias atuais, através dos fabulosos diretores criativos que o sucederam.

Victoria and Albert Museum, Londres. Foto by Google

Victoria and Albert Museum, Londres. Foto
by Google

A Dior está fornecendo um olhar dos bastidores da produção da exposição, além de um tour virtual por suas muitas salas, através de um documentário fascinante no canal da casa no YouTube e uma série de posts de arquivo no Instagram. O documentário segue os curadores da Designer of Dreams, Florence Müller e Olivier Gabet, enquanto organizam a exposição, juntando peças excepcionais de alta costura do arquivo da casa, além de fotografias surpreendentes de arquivo, esboços originais de Christian Dior, acessórios e objetos.

 "Christian Dior, Designer of Dreams" Foto capturada via canal Youtube Christian Dior

“Christian Dior, Designer of Dreams” Foto capturada via canal Youtube Christian Dior

Assista a esta fantástica exposição em seu canal no YouTube, que levará aos bastidores da exposição. Se inspire! 😉

junho 17, 2020
0 Facebook Twitter Google + Pinterest
vitrines diferenciadas

Em frente de um mercado competitivo, o principal desafio para os lojistas é sair na frente da concorrência com vitrines diferenciadas. É nessa perspectiva que certamente a Pantone pode ser de grande valia na hora de pensar na montagem da vitrine!

Uma vitrine diferenciada e chamativa tem a capacidade de realçar a sua loja em relação a concorrência, além de trazer mais fluxo. A vitrine é uma das ferramentas mais importantes para um negócio ressaltar. As vitrines diferenciadas de fato, possibilita destacar a personalidade da marca e seduzir a atenção de quem está transitando em frente a ela. O design correto de uma vitrine diferenciada consegue conquistar os clientes o suficiente para fazer com que entrem na loja.

Neste artigo, vamos ajudar a você ficar por dentro das tendências Outono/inverno 2020-2021 e além disso, ter ideias de vitrines diferenciadas 😉

Tendências: confira as cores para o Outono/Inverno 2020-2021.

A cada estação, a equipe do Pantone Color Institute desenvolve para a indústria da moda o famoso Relatório de Tendências de Cores da Pantone. O Fashion Color Trend Report traz um olhar dos tons que marcarão em uma certa época do ano.

Influenciado pela passarela de Nova York, o relatório apresenta 10 principais cores e 4 neutras clássicas que estarão presentes no Outono-Inverno 2020-2021.

Conforme os especialistas do Pantone Color Institute, as cores deste Outono-Inverno 2020-2021 representam certamente nosso interesse nos eternos clássicos estacionais, e exibem bastante personalidade.

A versatilidade das cores expõe um nível de funcionalidade nas roupas, que ao mesmo tempo apresenta cores notáveis e especiais. Além disso esses tons impulsionam a imaginação, analisando a alteração de entendimento do consumidor atual, que prefere qualidade e longevidade sobre as seleções de cores.

Foto by GLOWSLY

“Oferecendo uma narrativa rica, a paleta de cores para o Outono-Inverno 2020-2021 destaca nosso desejo por cores versáteis e atemporais. Refletindo uma mentalidade ‘menos é mais’ que está se tornando cada vez mais importante para os consumidores que priorizam valor e funcionalidade, nossa paleta de cores é despojada, sem excessos”, disse Leatrice Eiseman, diretora executiva do Pantone Color Institute. “Impregnadas de força e personalidade, as cores para o Outono/Inverno 2020-2021 incentivam nosso desejo contínuo de nos expressarmos, de forma única e por meio de
criações visuais afirmativas e incomuns que se destacam.”

A PALETA DE CORES OUTONO-INVERNO 2020-2021.

Os tons coloridos misturados com os neutros principais da estação se conectam para criar uma paleta de clássicos e cores frescas. Confira!

PANTONE 16-1350 AMBERGLOW

Um laranja radioso, Amberglow impulsiona a autoconfiança e a energia criativa.

Foto by f4 acessórios

Foto by f4 acessórios

PANTONE 19-1662 SAMBA

Um vermelho atraente e quente, Samba introduz uma intensidade otimista.

 Foto by GLOWSLY

Foto by GLOWSLY

PANTONE 16-1328 SANDSTONE

Inspirado na natureza, o Sandstone aparenta a terra em seu meio rústico.

 Foto by GLOWSLY

Foto by GLOWSLY

 

 

PANTONE 19-4052 CLASSIC BLUE

Uma imensidão de tom de azul, Classic Blue recorda o amplo e interminável céu noturno, partindo para um mundo de probabilidades.

 Foto by GLOWSLY

Foto by GLOWSLY

PANTONE 13-0648 GREEN SHEEN

Com tom revolucionário e positivo, o Green Sheen é um verde-amarelo acídico e audaz que a todo
momento se realça.

 Foto by GLOWSLY

Foto by GLOWSLY

PANTONE 16-1511 ROSE TAN

Um rosa meigo, Rose Tan inspira uma impressão de plenitude

Foto by GLOWSLY

Foto by GLOWSLY

PANTONE 18-5338 ULTRAMARINE GREEN

O Ultramarine Green, uma cor altamente fria, induz firmeza e autoconfiança.

 Foto by GLOWSLY

Foto by GLOWSLY

 

PANTONE 19-1337 FIRED BRICK

Potente e sólida, o Fired Brick expande a sensação de intensidade.

Foto by GLOWSLY

Foto by GLOWSLY

PANTONE 14-1220 PEACH NOUGAT

Peach Nougat é uma cor que nos inclui com sua receptividade.

Foto by GLOWSLY

Foto by GLOWSLY

 

 

PANTONE 19-2428 MAGENTA PURPLE

Uma cor fascinante, Magenta Purple é um roxo que nos envolve e cativa.

Foto by GLOWSLY

Foto by GLOWSLY

A PALETA CLÁSSICA OUTONO-INVERNO 2020-2021.

As cores clássicas desta estação são simultaneamente apontadas como cores sólidas, utilizadas de forma arrojada ou usam de apoio para uma narração abundante em cores.

PANTONE 12-0713 ALMOND OIL

O Almond Oil é um leve tom esbranquiçado para ambientes de leveza.

Foto by GLOWSLY

Foto by GLOWSLY

Foto by GLOWSLY

PANTONE 19-3940 BLUE DEPTHS

Blue Depths nos remete a um contexto de enigmas incógnitos.

 

Foto by GLOWSLY

Foto by GLOWSLY

 

 

PANTONE 16-3916 SLEET

Sleet, um cinza atemporal duro. Aponta nossa aspiração por longevidade.

Foto by GLOWSLY

Foto by GLOWSLY

 

PANTONE 19-0622 MILITARY OLIVE

O Military Olive é um tom verde rijo e duro.

 

Foto by GLOWSLY

Foto by GLOWSLY

 

 

As cores tendências no Outono/Inverno nas vitrines pelo mundo.

Deixe a mesmice de lado ao pensar em vitrines diferenciadas! Arrisque nas cores, formas e decoração. Além disso vá além dos tons mais universais e invista em cores mais viva, como mostraremos:

Vivienne Westwood caprichou nos adereços para a sua vitrine. Vale tudo que combine com a proposta da marca e loja!

Vivienne Westwood caprichou nos adereços para a sua
vitrine. Vale tudo que combine com a proposta da marca e loja!

Burberry: Com os animalzinhos expostos, a vitrine acabou ganhando mais encanto.

Burberry: Com os animalzinhos expostos,
a vitrine acabou ganhando mais encanto.

Gucci: Caprichou bastante no contraste dos produtos com o fundo da vitrine, criando um ambiente envolvente.

Gucci: Caprichou bastante no contraste
dos produtos com o fundo da vitrine, criando um
ambiente envolvente.

Salvatore Ferragamo: Explorando as possibilidades de cores, fazendo com que os produtos se sobressaiam e contratem com o cenário da vitrine.

Salvatore Ferragamo: Explorando as possibilidades de cores, fazendo com que os produtos se sobressaiam e contratem com o cenário da vitrine.

Não há regras quanto à paleta de cores. Vai depender do ambiente da vitrine, do conteúdo, dos itens e outros objetos que vão adereçar o espaço. Mas, o ideal certamente é sempre que os produtos se destaquem e contrastem com o cenário da vitrine como um todo.

A partir deste momento é testar combinar as suas cores prediletas de um modo alegre neste Outono/ Inverno 2020-2021 e criar inúmeras vitrines diferenciadas! 😉

Para saber mais veja nossa matéria de blog sobre vitrines coloridas.

 

junho 9, 2020
0 Facebook Twitter Google + Pinterest
Vitrines coloridas

Sim….sabemos que vermelho é Natal e Liquidação, Rosa para as Mães, preto para Black Friday, branco para o Ano Novo. As cores têm seus significados e simbolismos, mas as vitrines coloridas apresentam muita versatilidade.

Se o projeto for trabalhado com coerência e simbolismo, é possível usar roxo para o Natal e amarelo para Dia das Mães. Um bom profissional de design e visual merchandising pode decodificar esta “incoerência” em relação às cores e criar uma vitrine muito eficiente e chamativa!

gucci paris

gucci paris

O que nos inspirou a falar sobre vitrines coloridas?

O que trouxe este tema à tona foi esta referência destas vitrines coloridas feitas na Grécia, berço do jogo de tabuleiro Pentominoes que inspirou o Tetris (jogo eletrônico). O Tetris é um jogo eletrônico desenvolvido por russos, e conta com o desafio de encaixar peças coloridas.

A criatividade destas vitrines coloridas da loja de departamentos grega Attica se dá ao explorar o tema, que projetado preenche o espaço da vitrine tornando-o interessante e nos faz pensar na ação da Liquidação. Qual peça se encaixa para mim? Qual peça se encaixa para mim neste momento de liquidação? É como se fosse uma oportunidade!

louis vuitton ny

louis vuitton ny

Além desta brincadeira com as peças de um jogo, a vitrine foi confeccionada com adesivos e elementos de papel. Um custo baixo para uma ação de rebaixa de preços e de duração breve: liquidação. Nada mais apropriado!

Mas a peça principal neste jogo é a cor! A escolhas das cores faz com que a vitrine chame muito a atenção, mesmo vista de longe e sem revelar os elementos que a compõem.

Então, temos neste caso o uso de diversas cores para representar a ação da liquidação. Além d o uso da cor vermelha! Esse exemplo nos fez pensar em mostrar outras soluções de vitrines coloridas para vocês! Vamos a elas!

Nossos exemplos de vitrines coloridas para você

O exemplo mais claro é da loja Paul Smith em Tókio, que deseja um Natal colorido para todos, dando exemplos de vitrines coloridas para o Natal, fugindo do tradicional vermelho-verde-dourado. Além disso com uma linha de produtos despojados, a ideia cabe muito bem!

paul smith tokyo

paul smith tokyo

Outra vitrine de Natal que foge das cores tradicionais é a da Missoni, também em Tókio, que faz uso das cores metálicas pink e laranja e de um verde-água sólido, dispensando também a tradição.

A vitrine da Louis Vuitton é quase “Total White” e poderia ter qualquer tema…ela não é super colorida, muito pelo contrário. Mas usa outra cor que não as cores tradicionais de Natal para ilustrar o tema. Além disso é um exemplo de como outras cores podem ser usadas em substituição às estabelecidas.

E que tal a vitrine da Katie Spade em pink e vermelho para o Inverno? Demais, não?! Com certeza esperaríamos outras cores para representar esta estação do ano.

bergdorf ny natal

bergdorf ny natal

Veja mais fotos abaixo e se quiser ler mais sobre cores clica aqui.

maio 12, 2020
0 Facebook Twitter Google + Pinterest
coronavirus

O setor de luxo tem perdido bilhões em meio à crise causada pela pandemia mundial do COVID-19, segundo a corretora de investimentos com portfólio para mercado têxtil e de moda de luxo MSCI Europe Textiles, Apparel & Luxury Goods Index. Este setor reportou queda de 23% e perda de $152 bilhões de dólares em valor de mercado na indústria do dia 17 de Janeiro a 11 de Março deste ano. Mas isto não foi suficiente para impedir que os maiores nomes do mercado doassem milhões para ajudar aqueles que foram afetados pelo coronavírus.

Em Janeiro, durante os primeiros estágios da crise, LVMH, o maior conglomerado de marcas de luxo do mundo anunciou a doação de  $2.2 milhões de euros para a Cruz Vermelha Chinesa. Mais recentemente, a Moncler anunciou no Instagram que ela doaria $10.9 euros de dólares para a construção de um hospital em Milão com 400 leitos de UTI.

Vamos ver abaixo a lista dos nomes e marcas mais notáveis do mercado da moda de luxo que doaram pela causa dessa luta:

MONCLER:

Como visto acima, a doação é de $10.9 milhões de euros para a construção de 400 leitos de UTI. Segundo Remo Ruffini, CEO da marca, no Instagram: “Milão é uma cidade que nos deu uma equipe extraordinária. Nós não podemos abandoná-la. É nosso dever nos dedicar à cidade que deu tanto para nós”.

Saiba mais, segundo o canal Windows Wear:

A região da Lombardia e a Fondazione Fiera Milano já começaram a trabalhar no hospital que cobrirá um espaço de 25 mil metros quadrados e que tem previsão de estar pronto em 10 dias (dia 28/03).

A ajuda já está chegando e em grande número. Moncler doou $10.9 milhões de euros para este projeto. Segundo Remo Ruffini: “Eu expressei meu desejo de trabalhar neste projeto ao prefeito Giulio Gallera no momento em que ele foi imaginado, e agora que há razões factíveis para concretizá-lo, nós estamos prontos para apoiá-lo. Tenho certeza que a equipe da Lombardia, orientada pela experiência de Guido Bertolaso (quem está assessorando o governador da região da Lombardia, Attilio Fontana), pode fazer essa grande iniciativa de fato, se tornar realidade o mais rápido possível”.

OUTROS DOADORES:

O ex-primeiro ministro da Itália Silvio Berlusconi altambém doou $10 milhões de euros para o hospital. A marca italiana Colmar de roupas para esportes e esqui também doou $100 mil euros para a UTI do hospital San Gerardo em Monza, que fica a meia hora de carro de Milão.

A AJUDA QUE VEM DA CHINA:

Um forte apoio vem da China: a Fundação Alibaba e a Fundação Jack Ma doou 1 milhão de máscaras sanitárias e 100.000 pacotes de gazes para a Cruz Vermelha Italiana. O material chegou da China em Roma na quinta-feira dia 12/03. As embalagens possuíam as frases de “Nessun Dorma”, ária da ópera Turandot de Giacomo Puccini, como mensagem de esperança e resiliência. A segunda leva já está a caminho. 🙁

LVMH:

Uma doação para as autoridades francesas.

A pandemia do COVID-19 está afetando toda a sociedade, e a indústria da moda não está excluída. No domingo, 15/03, um dos maiores conglomerados de luxo,a LVMH, anunciou uma medida para ajudar na crise: irá produzir material para sanitizar as mãos ao invés de produzir os perfumes e cosméticos de suas marcas.

Muitas partes do mundo, incluindo a França, passaram por baixas de estoque deste produto de higiene, que é usado para conter a contaminação do vírus. E cidadãos em pânico acabaram estocando este produto.

“LVMH usará todo suprimento de produção de seus Perfumes e Cosméticos de suas marcas (Christian Dior, Guerlain e Givenchy) na França para produzir grandes quantidades de álcool gel”, anunciou a empresa.

O álcool gel será entregue gratuitamente para as autoridades de saúde francesas nesta segunda-feira dia 16/03, onde o grupo LVMH se compromete a honrar o projeto enquanto for necessário, num esforço para certamente garantir que o maior número de pessoas continuem a tomar a decisão certa para se protegerem e não espalharem o vírus.

A ajuda na luta contra o coronavírus vem de várias marcas, conheça:

RICHEMONT GROUP

Richemont, o conglomerado de luxo que possui as marcas Cartier, Van Cleef & Arpels e Chloe assegurou $1.4 milhões de dólares para combater o CONVID-19 na China.

GIORGIO ARMANI

O designer Giorgio Armani doou $1.25 milhões de euros para vários hospitais e instituições italianas.

KERING

O conglomerado de luxo Kering, que possui as marcas Gucci, Yves Saint Lauren e Alexander McQueen, doou $1 milhão de euros para a Cruz Vermelha na China.

HERMÈS

A marca de luxo Hermès assegurou a doação de $5 milhões de yuan para a Fundação China Soong China Ling, que apoia os médicos chineses no combate ao vírus no país.

DONATELLA VERSACE

Donatella Versace e sua filha doaram $200.000 euros para o hospital San Raffaele em Milão, que tem recebido com esforço pacientes para serem tratados do coronavirus.

VERSACE

Versace doou $143,748 euros para a Cruz Vermelha Chinesa para ajudar o país na compra de medicamentos.

SERGIO ROSSI

Sergio Rossi doou $100.000 euros para um hospital em Milão e irá doar 100% de seu lucro nas vendas online entre 14/03 e 20/03 para ajudar a Itália na luta contra o coronavirus.

PRADA

A CEO Muiccia Prada e Oatrizio Bertelli, e a marca Carlo Mazzi doaram equipamentos e estações completas de UTI para cada hospital em Milão.

BULGARI

A joalheria Bulgari doou uma quantia sem especificação para o departamento de pesquisa do Instituto Lazzaro Spallanzani. Localizado em Roma, o time de médicos do instituto foio primeiro a isolar o DNA do CONVID-19. A doação propiciou a compra de um sistema de imagens de microscopia em torno de $100.000 euros. O microscópio ajudará os pesquisadores a descobrir como prevenir e tratar a doença causada pelo vírus.

DOLCE & GABANNA

Domenico Dolce e Stefano Gabanna anunciaram que a marca deles fará doações para apoiar a pesquisa feita pelos professores da Universidade Humanitas em Milão, cuja equipe trabalha para encontrar soluções para lutar contra o vírus.

Clique aqui e saiba mais.

março 21, 2020
0 Facebook Twitter Google + Pinterest
vitrines de papel

Já faz algum tempo que as vitrines de papel estão assumindo um lugar interessante. O papel é um material versátil tanto no que se diz respeito ao acabamento: texturas, gramaturas e cores quanto à execução do trabalho.  Na grande maioria das vezes é necessário se atentar à sua fragilidade. Esta característica pode conferir facilidade na execução das peças mas ao mesmo tempo pode trazer uma dificuldade operacional bastante inversa aquilo que parecia fácil…. nunca subestime o papel! Apesar dele fazer parte do nosso dia a dia em diversos setores é necessário ser artista para manipular com primor esta matéria-prima tão comum….

detalhe das vitrines de papel

detalhe das vitrines de papel

Aqui na Expor tivemos esta experiência belíssima com a execução do projeto das nossas vitrines.

O resultado ficou incrível. Leia mais abaixo.

Experiência com vitrines de papel

O conceito das nossas vitrines é contemporâneo, com muitas peças abstratas. A escolha da cor branca no material e nos manequins diz respeito a este conceito. O projeto foi concebido pela designer Marina Lombardo e executado pelas artistas Verônica Jamkojian, Helena Kavano e Gislaine Umezu assim que a diretora de marketing da Expor Gisela Andrade passou o conceito. “Porém, ao elaborar o projeto foi necessário uma longa conversa com as artistas para entender o comportamento do papel, suas possibilidades e limitações”. Nos conta Marina, pois além16 do design a preocupação com a execução era grande.

por dentro da vitrine

por dentro da vitrine

Assim que as vitrines e seus elementos foram definidos as artistas tiveram liberdade para elaborar o trabalho. Cada uma delas colocou sua assinatura naquilo que executaram. O resultado é maravilhoso, e as peças são bastante contemporâneas.

É incrível o que se pode confeccionar com papel. As vitrines de papel são um ótimo exemplo disto.

O próximo passo foi a instalação das vitrines de papel. Apesar de ser um material leve, a fixação dos elementos nestas vitrines de papel foi bem programada: depois de um elemento fixado por adesivo, é quase impossível voltar atrás! Temos que lembrar que papel rasga, amassa e em muitas situações não pode ser realocado.

por dentro da vitrine

por dentro da vitrine

Então, muitos elementos de papel foram pré-executados e finalizados no dia da montagem das vitrines.

Para uma loja de rua, onde as vitrines tomam sol, é importante lembrar que o uso do papel colorido pode ser limitado, pois ele irá desbotar. Porém, as vantagens do papel superam todas as suas desvantagens!

Por que vitrines de papel?

É uma linguagem contemporânea e muito arrojada. Ao mesmo tempo, você pode conseguir efeitos clássicos e românticos se decidir colocar flores na sua vitrine.

É um material leve, que pode ser modelado e recortado. Possui diversas cores e texturas, uma gama de possibilidades como poucos materiais. O custo da matéria-prima (papel) é baixo. Dependendo do projeto é possível conseguir soluções interessantes de transporte. Você pode pendurar e colar elementos nas paredes da vitrine sem grandes transtornos.

vitrines de papel

vitrines de papel

É sustentável!!! Quando a campanha acabar, as vitrines de papel podem ser desmontadas e o material vai para reciclagem! Não precisa guardar um monte de coisas e fazer um estoque para material de vitrine.

Além disso é um material acessível, todo mundo conhece e tem afinidade. Caso seja necessário que a sua equipe de loja execute algo, não é um material desconhecido e de difícil manipulação. É um material limpo, não vai deixar resíduos no ambiente.

Então, depois de elencar todas estas características, podemos chegar à conclusão de que o papel é um material super tecnológico, que vai ao encontro do conceito do projeto. Quer algo mais moderno do que papel?

Veja as fotos das nossas vitrines de papel e saiba mais sobre este material clicando aqui.

março 16, 2020
1 Facebook Twitter Google + Pinterest